Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Marido de Ana Hickmann homenageia irmão após atentado

‘Meu irmão é meu herói’, escreveu Alexandre Correa sobre Gustavo, que matou o homem que invadiu quarto da apresentadora

O marido de Ana Hickmann, Alexandre Correa, prestou uma homenagem ao irmão Gustavo no Instagram neste domingo, um dia após o atentado sofrido pela apresentadora. “Reza a regra da vida que todo irmão mais velho é o herói do mais novo. Errado, meu irmão é o meu herói. Guto, eu te amo”, escreveu Alexandre. Gustavo reagiu ao atentado promovido pelo jovem Rodrigo Augusto de Pádua, 30 anos, que invadiu o quarto de hotel da modelo em Belo Horizonte, Minas Gerais. Pádua foi morto após Gustavo desarmá-lo.

Ao sair da delegacia na noite de sábado, onde Ana prestou depoimento, Alexandre foi perguntado sobre o estado da esposa e de Gustavo. Em um vídeo que circula na internet, ele afirma que apenas um profissional da área poderia responder a isso. “Isso não foi brincadeira. É uma coisa tão grave, que precisamos olhar pra isso e entender que o mal existe”, disse o empresário.

Gustavo também usou as redes sociais para se manifestar sobre o ocorrido. “O que houve foi sem precedente, uma aberração. Agradeço o apoio, lamento não poder atender a todos. Com certeza meu amor sairá dessa em breve”, escreveu ele no perfil da esposa, Giovana Oliveira, que foi atingida no braço e no abdômen e está internada em estado estável.

Leia também:

Ana Hickmann sofre atentado em hotel; homem é morto

O atentado – Ana estava hospedada em um quarto no hotel Ceasar Business, em Belo Horizonte, na tarde deste sábado, quando Gustavo foi abordado por Rodrigo Augusto Pádua, que estava armado e o obrigou a levá-lo até o quarto da apresentadora.

No local, Ana foi ofendida e ameaçada por Pádua, um fã declarado da modelo. Gustavo e Giovana também estavam no quarto e foram obrigados a ficar de costas durante o atentado. Gustavo reagiu em uma luta física com o jovem, que realizou dois disparos contra Giovana. Ao desarmá-lo, Gustavo disparou três tiros contra Pádua, que morreu no mesmo momento.

De acordo com a polícia, Pádua se hospedou no hotel com nome falso e o cartão de crédito do pai.

Ana Hickmann retornou durante a noite para São Paulo e descansa em casa. Ela ainda não se manifestou sobre o ocorrido.

Member of The Internet Defense League