Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Homer Simpson pede desculpas ao Brasil por falha em episódio ao vivo

No último domingo, 17, foi ao ar o primeiro episódio ao vivo da história de Os Simpsons, que prometia, em uma de suas cenas, uma interação de Homer com o público, na qual ele atendeu a alguns telefonemas e respondeu às perguntas de fãs enviadas pelas redes sociais. Infelizmente, porém, nem tudo ocorreu bem na projeção para a América Latina, principalmente no Brasil.

LEIA TAMBÉM:

Bart nega separação de Homer e Marge em ‘Os Simpsons’ ​

Deu a louca nos Simpsons: Bart morre e Homer pega Lena Dunham

A transmissão, programada para ser exibida mundialmente pelo canal Fox, acabou sendo adiada no Brasil, inicialmente das 21h para as 22h30, sem qualquer aviso prévio e com uma falha na principal cena do episódio: o momento em que Homer responderia às perguntas.

A cena foi transmitida normalmente para os Estados Unidos, mas acabou ficando sem áudio e legendas para o Brasil, o que resultou em um pedido de desculpas feito pelo próprio Homer e divulgado pelo canal Fox, através de um vídeo veiculado pela web.

No vídeo, Homer lamenta a falha ao vivo na transmissão para os países da America Latina, e com muito deboche pede desculpas aos brasileiros: “Eu realmente lamento que isso tudo tenha acontecido Brasil, como se vocês já não tivessem problemas suficientes”, ironiza.


Como os Griffins vão parar em Springfield

Durante uma parada na estrada, o carro de Peter é roubado — pois é, isso não acontece apenas no Brasil. Ele até acha divertido, mas a mulher tenta chamá-lo de volta à realidade. “Mas, Peter, a gente nem sabe onde está.” É quando avistam a placa com o nome da cidade de Springfield, apresentada aos poucos ao espectador, enquanto soa a música-tema de Homer e companhia.

Hepatite em Springfield?

Peter recomenda à família, ao chegar à cidade dos Simpsons, onde todos são amarelos: “Não bebam água. Todos aqui parecem ter hepatite.” Em seguida, eles entram na loja de conveniência de Apu, o indiano, que lhes oferece… rosquinha.

Acolhida dos Simpsons

Depois de terem o carro roubado e, aparentemente, livrarem Homer e Margie de assassinos, os Griffins são acolhidos na casa da família amarela, junto a quem Bart faz sucesso ao responder à mãe com uma frase de efeito. “Coma os meus shorts”, diz, quando ela o manda lavar a mão para almoçar.

Brian e Ajudante de Papai Noel

Pobre Brian. É o mais inteligente e elegante da família Griffin, mas na mesa dos Simpsons não tem lugar, e é obrigado a comer junto com o Ajudante de Papai Noel, cachorro de Bart, que de esperto e civilizado não tem nada.

Camiseta molhada

Camiseta branca molhada, shortinho curto, corpos ensaboados… essa imagem pode representar sensualidade, mas não no caso de Homer e Peter, que estão assim como parte de um plano, pouco sábio como se pode ver, para encontrar o carro roubado do “family guy”. Eles oferecem para lavar gratuitamente veículos roubados — e a fila que se forma é imensa.

Bêbados de combustível

“Muito bem, Peter. Para encontrarmos o seu carro, precisamos pensar como um carro”, propõe Homer, antes de se embebedar com gasolina em um posto, ao lado de Peter. “Eu estou mal”, diz o mais novo amigo de infância de Homer, antes de concluir, não com alguma sabedoria, “Talvez estejamos fazendo isso da forma errada”. E então eles veem uma cliente do posto introduzir a bomba na traseira do seu automóvel.

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League