Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vermelho sem fim: banco britânico encerra 2015 com prejuízo pelo oitavo ano seguido

Mesmo com redução das perdas em 43%, RBS fechou o ano passado com resultado negativo de 2,7 bilhões de dólares

O banco britânico Royal Bank of Scotland, também conhecido pela sigla RBS, encerrou 2015 com um prejuízo de 2,76 bilhões de dólares. Perdas para empresas e instituições financeiras não são incomuns, mas o desempenho do RBS chama a atenção pela longevidade das perdas: esse foi o oitavo ano consecutivo de resultados no vermelho.

A perda não pôde ser evitada nem mesmo com a venda da participação do RBS no banco americano Citizens. O negócio rendeu 1,15 bilhão de libras (1,6 bilhão de dólares) e fez com que o prejuízo do RBS no ano fosse 43% menor que o registrado em 2014.

Ross McEwan, principal executivo do banco, informou que abrirá mão de parte de seus vencimentos por causa dos resultados. McEwan tem direito a um bônus anual de 1 milhão de libras, além dos salários que recebe regularmente. Ele vai abrir mão do adicional pelo terceiro ano seguido.

Leia também:

G20 começa com discussão sobre reformas estruturais

Alta do dólar faz Banco Central encerrar 2015 com lucro recorde

(Da redação)

Member of The Internet Defense League