Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pagamento de dívidas dos Estados com juros simples teve impacto de R$ 2,5 bi em abril

Cálculo foi apresentado nesta quinta-feira pelo Tesouro; governo faz as contas agora de qual será impacto em maio e junho depois de o STF adiar a decisão sobre o tema

O secretário do Tesouro, Otávio Ladeira, afirmou nesta quinta-feira que o pagamento das dívidas dos Estados corrigidas por juros simples teve um impacto para a União de 2,5 bilhões de reais em abril. Agora, segundo o secretário, o governo está calculando qual será o impacto em maio e junho, uma vez que o Supremo Tribunal Federal (STF) manteve essa possibilidade de cálculo ao suspender o julgamento das ações por 60 dias.

Segundo Ladeira, isso implica potencial impacto fiscal para os Estados, já que os entes passarão a ter mais recursos disponíveis, podendo aplicá-los para pagar despesas primárias, como salários.

Questionado sobre um possível reajuste do Bolsa Família, ele afirmou que o Orçamento de 2016 prevê espaço para incremento de até 1 bilhão de reais na verba do programa. Mas, segundo Ladeira, o Ministério da Fazenda “entende que o espaço fiscal atual não permite essa ampliação e que, portanto, esse assunto deverá ficar para quando a nova meta for aprovada”.

Leia também:

Ford mais que dobra seu lucro no primeiro trimestre

Contas do governo têm rombo recorde de R$ 7,9 bi em março

(Com agência Reuters)

Member of The Internet Defense League