Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bendine pode renunciar para facilitar troca na Petrobras

Segundo uma fonte próxima à diretoria, seria um gesto de boa vontade do atual presidente para agilizar a troca de comando na estatal

O presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, pode renunciar ao cargo, caso se confirme a intenção do governo Michel Temer de substituir a direção da estatal. Segundo uma fonte próxima à diretoria, seria um gesto de boa vontade de Bendine para facilitar e agilizar a troca de comando.

A intenção de Bendine sempre foi se colocar à disposição para acompanhar a transição com um eventual novo presidente da companhia, mas os trâmites na Petrobras são complexos e a renúncia começa a ser avaliada como um caminho mais tranquilo. Dentro da estatal, no entanto, a troca do presidente é controversa.

A expectativa é que nos próximos dias seja feito o anúncio de que Bendine será substituído. O nome mais cotado tem sido o do ex-ministro Pedro Parente. Oficialmente, porém, a troca não pode ser simplesmente anunciada pelo governo, o principal acionista. Pelas regras das companhias de capital aberto, a escolha do presidente deve ser feita pelo conselho de administração e o nome anunciado em comunicado ao mercado.

Um executivo da Petrobras lembra que esse rito foi atropelado na saída de Graça Foster da presidência, o que levou a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) a abrir um processo administrativo contra a estatal.

Segundo um executivo próximo ao conselho, o nome de Pedro Parente, um profissional experiente e bem-visto pelo mercado, foi bem recebido pelos conselheiros – diferentemente do nome anterior. “Inicialmente, ventilou-se que o substituto seria Moreira Franco, o que causou enorme mal-estar: ele foi governador e tem vinculação partidária, seria muito ruim para companhia ter um político na presidência, ainda mais neste momento.”

Leia mais:

Temer já avisou Bendine sobre saída da Petrobras

Governo deve fazer capitalização de R$ 4 bilhões na Eletrobras

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League