Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Airbus anuncia fim da produção do superjumbo A380

Considerado o maior avião comercial do mundo, modelo deixará de ser fornecido em 2021 após entrega das últimas encomendas para a Emirates

A Airbus não irá mais produzir o superjumbo A380, considerado o maior avião comercial do mundo e concorrente do Boeing 747. A companhia anunciou o fim da linha nesta quinta-feira 14, em nota oficial assinada pelo CEO Tom Enders.

De acordo com o comunicado, as últimas entregas do A380 serão realizadas em 2021, para a empresa aérea Emirates. Depois disso, o modelo não será mais fabricado, justamente tendo com uma das principais razões a queda das vendas para a própria Emirates.

 

 

“Não temos bases para sustentar a produção, apesar de todos os nossos esforços de vendas para companhias aéreas nos últimos anos”, diz o CEO Tom Enders.

A Emirates, maior cliente do A380, ainda receberá ao menos 14 aeronaves nos próximos dois anos.

O primeiro voo do modelo foi realizado em 2005, na França, sede da companhia Airbus. Com a expectativa de rivalizar com o Boeing 747, a aeronave não cumpriu o objetivo em vendas. Causas apontadas foram seu alto custo e o tamanho muito grande para alguns aeroportos – alguns deles tiveram, inclusive, que construir novas pistas e ampliar terminais para acomodá-lo.

Em sua maior versão, a aeronave comporta mais de 500 passageiros e chega a 72 metros de comprimento.

Member of The Internet Defense League