Clique e assine com 88% de desconto

Fim das coligações leva partidos a lançar mais nomes nas eleições de 2020

A disputa municipal terá número recorde de candidaturas, segundo previsão de presidentes de partidos e analistas

Por Agência O Globo - 27 jan 2020, 23h01

BRASÍLIA — A disputa municipal de 2020 terá número recorde de candidaturas, de acordo com a previsão de presidentes de partidos e analistas. Com o fim das coligações para as câmaras municipais a partir deste ano, cada legenda terá de apresentar uma lista fechada de candidatos a vereador e a tendência é lançar nomes próprios a prefeito para puxar votos para o Legislativo.

A intenção da nova regra é diminuir o total de partidos no país — hoje há 33 legendas registradas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) —, mas esse efeito só deve ser atingido em eleições seguintes. Os critérios para acesso ao fundo partidário e tempo de TV são baseados nos votos para a Câmara dos Deputados, mas a nova regra pode reduzir o espaço nos legislativos municipais dos partidos menores, que não poderão se coligar com siglas maiores, herdando seus votos.

Leia a íntegra da matéria exclusiva para assinantes

Publicidade