Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dois suspeitos do estupro no Rio serão transferidos para presídio em Bangu

Lucas Santos e Raí de Souza devem ir para o Complexo Presidiário de Gericinó; outros três homens continuam foragidos

A Polícia Civil autorizou a transferência de Lucas Perdomo Duarte do Santos e Raí de Souza para o Complexo Presidiário de Gericinó, em Bangu, Zona Oeste do Rio de Janeiro, na tarde desta quinta-feira. Eles são acusados de participar do estupro coletivo de uma jovem de 16 anos, no último dia 21, no Morro da Barão, Zona Oeste da cidade. Ambos foram presos na última segunda e estão encarcerados na Cidade da Polícia, no Jacaré, Zona Norte.

Também está preso no local um terceiro acusado, Raphael de Assis Duarte Bello, que se entregou na manhã desta quarta-feira. Ele ainda continuará na unidade para prestar mais esclarecimentos. A transferência foi autorizada pela Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV), responsável pela investigação. Marcelo Miranda da Cruz Correa, de 18 anos, Michel Brazil da Silva, 20 anos, suspeitos de divulgarem as imagens da vítima na internet e o gerente do tráfico do Morro da Barão, Sérgio Luiz da Silva Junior, conhecido como Da Rússia, permanecem foragidos.

LEIA TAMBÉM:

Mulheres protestam contra o machismo em SP e no Rio

A cultura do estupro e a cultura do silêncio: VEJA quer ouvir sua história

Ameaças – Ameaçada pelos agressores, a menor entrou para o Programa de Proteção a Crianças e Adolescentes Ameaçados de Morte (PPCAAM) e a responsabilidade pela adolescente passou a ser do Ministério da Justiça, que decidiu pela saída da menor do Estado. Segundo a delegada, as investigações podem ser prejudicadas com a vítima fora do Estado do Rio de Janeiro.

Cristiana identificou contradições nos dois depoimentos colhidos até agora e pretendia esclarecê-los através de mais um interrogatório com a adolescente. Ela também queria fazer uma acareação entre ela e os suspeitos presos. “As versões [da vítima e dos acusados] são muito desencontradas. Não posso mais ouvir a jovem. Isso dificulta as coisas. Novas informações chegaram e eu não tenho como esclarecê-las com ela”, disse a delegada.

(Com Estadão Conteúdo)

Member of The Internet Defense League